Maranhão adota novas medidas contra a COVID e descarta um

Maranhão adota novas medidas contra a COVID  e descarta um
FOTO: reprodução

Reunidos com o governador do estado, representantes de diversos órgãos  do Maranhão, concordaram que não é hora de decretar um fechamento total das atividades não essenciais. Decidiram aceitar a suspensão por 10 dias dos serviços públicos estaduais, aplicação de novas regras para conter aglomerações, intensificar as fiscalizações e convidar os comerciantes para o diálogo.

O ministério público  tem defendido  o fechamento total, mas os governantes estão sendo cautelosos.

Nas  cidades do interior, gestores públicos estão adotando novas medidas para evitar uma nova onda do vírus, visto que os leitos de UTI não suportaria um aumento de casos graves. 

O foco agora é fiscalizar bares, lanchonetes, restaurantes e outros, que possuem licença  para determinado serviço e acabam transformando o espaço em festa.

Como noticiado ontem por este blog, a vacinação está crescendo na região, mas não é hora de relaxar.